PUBLICIDADE

Municípios do Oeste do Paraná recebem a Expedição do Conhecimento

Proposta visa levar conceitos de educação ambiental e ciência a jovens e adultos, de forma divertida. Promoção é uma parceria entre Itaipu e PTI-Brasil.

 

O caminhão itinerante da Expedição do Conhecimento, uma parceria da Itaipu Binacional com o Parque Tecnológico Itaipu (PTI Brasil), já voltou a percorrer os municípios do Oeste do Paraná, levando ciência e educação ambiental a jovens e adultos, de forma lúdica e totalmente gratuita. Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul, também vai receber o projeto.

Lançada oficialmente em fevereiro de 2020, durante o Show Rural Coopavel, em Cascavel, a Expedição acabou sendo interrompida em função da pandemia do novo coronavírus.

A estrutura móvel, que aborda a temática “Água, Energia e Sustentabilidade” por meio de atividades interativas, vai atender o público escolar durante o dia e, à noite, estará aberta a toda a comunidade. O caminhão-baú tem quase 15 metros de extensão e abriga diversas atividades.

Neste semestre, o caminhão percorrerá oito municípios, sendo eles: Pato Bragado, Entre Rios do Oeste, Mercedes, Mundo Novo (MS), Francisco Alves, Iracema do Oeste, Tupãssi e Braganey.

Os municípios foram escolhidos levando em consideração os menores índices de contágio do novo coronavírus e o atendimento será realizado respeitando todas as normas sanitárias de distanciamento social, uso de máscaras e álcool em gel.

Atividades

A visita começa com um panorama sobre todas as formas de energia, desde o Sistema Solar até a energia das células humanas. O visitante também tem contato com um telescópio solar, uma maquete demonstrando como funciona uma casa sustentável e jogos interativos. Na parte interna do caminhão-baú, estão informações sobre biomas, rios voadores, o ciclo da água e a importância do Sol como fonte primária de energia.

Em um dos pontos do circuito, o visitante aprende como é possível gerar energia limpa e iluminar uma cidade, pedalando numa bicicleta. Óculos de realidade virtual também levam o público a uma imersão na Mata Atlântica, um dos biomas brasileiros. Todo o roteiro foi planejado com acessibilidade visando a inclusão, com elevador e piso tátil.

Créditos: Andressa Marlise/PTI/Itaipu Binacional

Facebook
Google+
Twitter