Notícias Gerais

Novo sistema de fiscalização eletrônica começa a funcionar a partir de quinta-feira (02)


 

Começam a operar nesta quinta-feira (2 de maio) os radares que compõem o novo sistema de fiscalização eletrônica do município. O objetivo do Foztrans (Instituto de Trânsito de Foz do Iguaçu) é reduzir o número de acidentes e mortes nas vias, especialmente nos cruzamentos centrais. Ao todo, 25 pontos estratégicos da cidade receberam os aparelhos, que já foram aferidos pelo Inmetro.

Os novos equipamentos registrarão o excesso de velocidade, avanço de sinal vermelho, parada sobre a faixa de pedestre e o trânsito de veículos pesados em locais proibidos.

As informações serão armazenadas no Centro de Processamento de Dados e Imagens (CPDI), na sede do Foztrans, onde estão instalados computadores, monitores e impressora multifuncional, bem como toda a infraestrutura de aplicativos e serviços de conexão necessários à execução das atividades relativas ao processamento das imagens, geração de AITs (autos de infração de trânsito) e operação do sistema.

“Experiências em todo o mundo demonstram que um dos meios mais eficazes para reduzir o número de mortos e feridos em acidentes de trânsito é a adoção de um programa de fiscalização eletrônica”, explica o superintendente do instituto, Fernando Maraninchi. “Da mesma forma, o sistema possibilita a coleta de dados estatísticos para formulação de novas medidas preventivas, que contribuam para a qualidade de vida dos motoristas e a segurança no trânsito”, ressaltou.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 2105-9611, da Divisão de Sistema e Informação do Foztrans.

 

Pontos com radares 

– Av. Cataratas, próx. n. 1526

– Av. Cataratas, próx. n. 1749

– Av. Costa e Silva, n. 1655 x Av. Gustavo Dobrandino da Silva

– Av. Costa e Silva, n. 1850 x Av. Gustavo Dobrandino da Silva

– Av. Costa e Silva, próx. n. 1396

– Av. Costa e Silva, próx. n. 185 x Av. Paraná

– Av. das Cataratas, próx. n. 3200

– Av. das Cataratas, próx. n. 569

– Av. Felipe Wandscheer, próx. n. 1544

– Av. General Meira, n. 427

– Av. Juscelino Kubitschek x Av. José Maria de Brito

– Av. Juscelino Kubitschek, n. 1700

– Av. Juscelino Kubitschek, n. 1755

– Av. Juscelino Kubitschek, n. 3897 x Av. Carlos Gomes

– Av. Juscelino Kubitschek, próx. n. 200

– Av. Juscelino Kubitschek, próx. n. 3758

– Av. Juscelino Kubitschek, próx. n. 4355

– Av. Juscelino Kubitschek, próx. TTU x Av. República Argentina

– Av. Morenitas, próx. n. 1683

– Av. Paraná, n. 2355

– Av. Paraná, n. 3450 x Av. José Maria de Brito

– Av. República Argentina, n. 2711

– Av. República Argentina, n. 5204

– Av. República Argentina, n. 5767

– Rua Bartolomeu de Gusmão, próx. n. 1365

 

Lembrando que o radar eletrônico da Av. Andradina só será instalado, após o término completo das obras.

E que a fiscalização eletrônica é uma maneira educativa encontrada, a fim de incentivar os motoristas a respeitarem os limites de velocidade, presentes no CTB.

(AMN)