Turismo

Turismo de Itaipu tem semestre histórico e deve fechar o ano com novo recorde


Os atrativos turísticos da Itaipu receberam 444.518 visitantes nos primeiros seis meses de 2019, fazendo deste primeiro semestre o melhor de todos os tempos para o turismo da usina. A visitação ficou 3,1% acima do mesmo período de 2018, ano em que Itaipu bateu recorde de visitação com 1.024.549 pessoas. A expectativa é de novo recorde para 2019.

“Esperamos terminar o ano com mais um recorde na Itaipu. Estamos investindo nos atrativos da usina e nas ações estruturantes da região, porque o desenvolvimento turístico regional integra a nossa missão”, destacou o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna. Com as campanhas e melhorias planejadas para o turismo, espera-se superar a marca de 2 milhões de visitantes em um único ano até 2023.

Os números do primeiro semestre consideram as modalidades de visitação turística e institucional provenientes das duas margens, brasileira e paraguaia, de Itaipu. Os destaques do aumento da visitação foram o Ecomuseu (38,8% superior a 2018), a Itaipu Iluminada (acréscimo de 11,7%) e a Itaipu Especial (aumento de 10,7%), todos atrativos atendidos pelo Complexo Turístico Itaipu (CTI) da Margem Esquerda.

Outros atrativos que contribuíram para a alta da visitação foram o Itaipu Panorâmica, que teve acréscimo de 4%, ou 7.190 visitantes a mais que 2018; e a Itaipu Natureza, com visitação de 9.586 pessoas – este atrativo não constava nas opções do ano passado. No geral, o CTI/ME registrou um aumento de 10,1% na visitação, comparando-se o primeiro semestre de 2018 e o de 2019.

Junho movimentado

O mês de junho, último mês do primeiro semestre, foi bastante movimentado no turismo da Itaipu. Passaram pelos atrativos da binacional 70.405 visitantes, a maioria (62,4%) entrando pela margem brasileira. O número é 31,4% superior a junho de 2018. Junho foi o segundo mês de melhor visitação no primeiro semestre, perdendo para janeiro, que recebeu 128.840 visitantes.

(Itaipu Binacional)